Línguas

O H9PPY Viajante Opanka

Dia 25/05

“Happy”.

Foi praticamente este o código que um amigo teve que digitar para votar em mim no Viajante Opanka. Ele me enviou a imagem, que representa perfeitamente como eu estou me sentindo agora (inclusive com a cara de mongolão da foto).

Daí fiquei pensando: qual é a melhor maneira de um blog de viagens agradecer aos seus leitores e amigos pela campanha emocionante como a que me deu a vitória e me deixou tão happy?

No mínimo é dizer “obrigado” em várias línguas, com direito a guia de pronúncia em algumas (a partir do inglês).

Então lá vai:

Shukran (shoo-krahn) - Árabe
Merci / blagodaria - Búlgaro
Kyay tzu tin pa te - Birmanês
Do jeh (daw-dyeh) - Cantonês
Xiè xie (syeh-syeh) - Mandarim
Děkuji (dyeh-ku-yih) - Tcheco
Tak (tahg) - Dinamarquês
Dank u wel (dank ye wel) - Holandês
Kiitos (kee-toas) - Finlandês
Merci (mehr-see) - Francês
Danke (dahn-kah) - Alemão
ευχαριστώ (ef-har-rih-stowe) - Grego
Mahalo - Havaiano
Toda (toh-dah) - Hebraico
Köszönöm - Húngaro
Go raibh maith agat - Irlandês
Grazie (gra-see) - Italiano
Arigatô (ahree-gah-tow) - Japonês
Kamsah hamnida (kahm-sah ham-nee-da) - Coreano
Gratias ago - Latim
Takk (tahk) - Norueguês
Motashakkeram, mamnun (formal) - Persa
Dziękuję (dsyen-koo-yeh) - Polonês
Cпасибо (spah-see-boh) - Russo
Tapadh leat (singular, familiar) tapadh leibh (plural, formal) - Escocês
Dakujem - Eslovaco
Gracias, muchas gracias - Espanhol
Tack (tahkk) - Sueco
Kop khun krahp (masculino) - kop khun kha (feminino) - Tailandês
Tesekkur ederim (teh-sheh-kur eh-deh-rim) - Turco
Diakuiu - Ucraniano
A dank - Iídiche

Espero que um destes seja útil em alguma viagem sua.

Para finalizar, obrigado também à Opanka e aos viajantes-concorrentes Geraldo Figueras e Daniel de Los Santos, pela disputa divertida e honesta. Foi sensacional. Prometo honrar e respeitar meu mandato como Viajante Opanka.

É nóis

Agora dá licença que eu tenho que arrumar as malas.

Viajante Opanka

Siga os Mestres: vote em mim para Viajante Opanka

Dá uma olhada na lista de grandes viajantes da humanidade que já declararam seu apoio à minha campanha para ser o Viajante Opanka.

Cheech e Chong:

Até a última ponta

Presidente Viajando Henrique Cardoso:

Vruuuuuummmmm!

Presidente Aerolula:

Lula lá

O anão de Amélie Poulain:

Où est Amelie?

Timothy Leary:

LSD

E o MESTRE ETERNO Tourist Guy:

É tudo verdade

Agradeço imensamente o apoio de todas estas celebridades turísticas e insisto: CONTINUEM VOTANDO!

Outros Blogs

Viajante Opanka - Apenas o 1º dia

Imaginava fazer este registro apenas no último dia das votações do Viajante Opanka. Mas a disputa ficou divertidíssima logo no primeiro dia (até a Fresno entrou na função), então resolvi adiantar os planos.

Caro leitor, leitora, amigo, amiga ou perdido na internet: muito, muito, MUITÍSSIMO obrigado pelas campanhas em prol desde viajante.

Resultado às 19h do dia 25/05

Do fundo deste coração sofrido…

(pausa dramática)

…estou extremamente emocionado.

É fantástico ver tantos amigos fazendo campanha. E é mais incrível ainda ver pessoas que eu nem conheço pedindo votos para mim.

Não sei se vou ganhar o Viajante Opanka. O Geraldo Figueras é um concorrente fortíssimo e o Daniel de Los Santos, apesar de (ainda) não estar brigando pela pole-position, tem o meu respeito (e o meu medo de ser ultrapassado). Mas sei que as emoções deste primeiro dia já fizeram o concurso todo valer a pena para mim.

Apesar da farofada que seria nas praias, juro que gostaria de ganhar e levar todos vocês comigo.

(Tá, agora vai lá e continua votando. Beijão.)

Brasil

Viajante Opanka

Opanka tá em todas.

Eu não tô em todas. Mas isso é só um detalhe financeiro, porque, no que depender exclusivamente da minha vontade, eu topo, sim, qualquer viagem - desde que tenha um nível mínimo de conforto, porque eu não sou índio.

Também tô

Deve ter sido essa a relação que o pessoal da Opanka fez quando me convidou para participar do concurso Viajante Opanka, onde um blogueiro-aventureiro será eleito por você (repito: POR-VO-CÊ, amigão, parceirão, queridão) para percorrer 5 cidades do Brasil:

- São Paulo

San Pablo

- Rio de Janeiro

Rio

- Barra Grande (BA)

Barra Grande

- Recife

Récife

- Caruaru (PE)

Pífanos

Como eu acabo (quase) sempre saindo do país nas férias, achei que essa era uma oportunidade imperdível de viajar pelo Brasil, conhecendo lugares bem diferentes entre si, revendo alguns onde já fui como turista (São Paulo e Recife) e usando chinelo todos os dias. Tudo acompanhado de cicerones locais que prometem mostrar o lado B de todos os destinos.

Ou seja: a oportunidade de viver no paraíso.

Obviamente aceitei o convite e agora estou aqui pedindo o seu voto.

É só ir no site da Opanka e clicar no meu nome. O concurso vai de hoje a 30 de maio (domingo).

Vota lá, vai. E avisa os amigos, parentes e agregados. Me ajuda a colocar o Brasil no meu mapa.

Como dizem os Big Brothers: eu mereço porque sou eu mesmo, não estou jogando, aqui dentro é bem diferente de lá fora, tenho saudades da minha família e o Bial é um gato.

Obrigadão.

Cias. Aéreas

As melhores porque são orientais ou orientais porque são as melhores?

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

2010-world-airline-awards

Saiu o 2010 World Airline Award ou, em bom brasileiro, o ranking das 10 melhores companhias aéreas do mundo, segundo o SkyTrakx. A pesquisa foi feita com 18 milhões de viajantes de 100 países diferentes, entre julho de 2009 e abril 2010.

A lista dos Top 10 dos céus ficou assim:

1 - Asiana Airlines

2 - Singapore Airlines

3 - Qatar Airways

4 - Cathay Pacific

5 - Air New Zealand

6 - Etihad Airways

7 - Qantas Airways

8 - Emirates

9 - Thai Airways

10. Malaysia Airlines

Interessante ver que todas as finalistas são companhias de países da Ásia e da Oceania. Exatamente como aconteceu em 2009.

Qual será o segredo dos orientais?

Para saber mais sobre o 2010 World Airline Award, clique aqui.

América do Sul

Introduzindo o Peru

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

Perdão pelo trocadilho infeliz e clichê no título deste post. Tentei, mas simplesmente não consegui resistir. Prometo me esforçar para evitar outros ao longo do texto. Juro que prometo.

Peru

No fim de 2009, eu dormia e acordava com o Peru na cabeça. O país andino era praticamente o destino certo das próximas férias. Tão certo que cheguei a usar o meu Personal Guia de Organização Turística para montar um roteiro que encaixasse o Peru inteiro (ou sua maior parte, porque o Peru é maior do que você imagina) num espaço de 20 dias de descanso. Era bonito ver o Peru ganhando corpo e crescendo na minha frente. Mas então vieram algumas incertezas e o Peru foi se encolhendo até ficar pequeno no meu mapa-múndi. Caiu na lista de destinos e não levantou mais.

Mesmo assim, o roteiro do Peru continuava armado. Firme, forte. E como eu sou um amigo do peru, lembrei de colocar toda a pesquisa neste post. Porque se as minhas férias não serão gozadas no Peru, talvez você possa se divertir muito nele.

A ideia era, na verdade, fazer uma ménage à trois: eu, o Peru e sua amiga Bolívia, salgando a relação com uma visita ao magnífico Salar de Uyuni. O período seria por agora mesmo, maio. O melhor roteiro que tracei foi este:

Brasil - Lima - Cusco - Machu Picchu - Arequipa - Puno (Lago Titicaca) - Copacabana (Bolívia) - La Paz - Uyuni - La Paz - Lima - Brasil

Entraria pelo Peru e seguiria por ele até a Bolívia, de onde voaria de volta a Lima e, depois, ao Brasil, deixando o Peru para trás.

Em cada planejamento de cidade, você verá a quantidade de noites que imaginei (após pesquisas em fóruns pela internet), o nome e o preço de um hotel que me pareceu decente (após pesquisas no Trip Advisor) e o transporte para o próximo destino, incluindo o valor do deslocamento, quando este não estiver no preço da passagem pela LAN (veja lá embaixo).

Importante: certifique-se dos preços nos links indicados. Não dê mole para o Peru. Ele costuma ser duro com quem não faz as contas direito e pode ferrar suas economias.

————————————————————-

O sol no Peru

Lima

3 noites no hotel El Ejecutivo: 120 USD/casal

Viagem Lima-Cusco (1h15 de voo): incluído no valor da LAN

————————————————————-

Cusquitos

Cusco

3 noites no hotel Inkarri ou no Samanapata: 135 USD/casal

Excursão ao Vale Sagrado: 30 USD

Tour por sítios arqueológicos dos arredores: 50 USD

Trem Vistadome de Cusco para Águas Calientes (4h): 70 USD

————————————————————-

Uma foto diferente de Machu Picchu

Águas Calientes (Machu Picchu)

2 noites no hotel Wirachoca: 130 USD/casal

Ônibus para Machu Picchu (30 min): 15 USD

Entrada em Machu Picchu: 40 USD/dia

Trem Backpacker de volta a Cusco (4h): 50 USD

Voo de Cusco para Arequipa (2h15): incluído no valor da LAN

Alternativa: ônibus de Cusco para Arequipa (10h) - 40 USD

————————————————————-

O condor

Arequipa (cânion Colca)

2 noites no hotel Posada Nueva España: 70 USD/casal

Voo de Arequipa até Puno (40 min): incluído no valor da LAN

Alternativa: ônibus Cruz del Sur, de Arequipa a Puno (5 horas): 22 USD

————————————————————-

Lago Titicaca

Puno (Lago Titicaca)

1 noite no hotel Posada Don Giorgio: 40 USD/casal

Passeio pelo Lago Titicaca: 20 USD

Ônibus de Puno a Copacabana:

Ônibus Panamericano, Colectur ou Tour Peru (2h30): 10 USD

————————————————————-

Princesinha do Titicaca

Copacabana (Bolívia)

1 noite no hotel La Cúpula: 36 USD

Passeio: Ilha do Sol: 15 USD

Ônibus Copacabana-La Paz (3h): 10 USD

————————————————————-

La Paz

La Paz

1 noite no hotel Sagarnaga: 30 USD

Ônibus de La Paz a Uyuni (não sei quanto tempo, mas é demorado): 33 USD

————————————————————-

Uyuni

Uyuni

2 noites no hotel Toñito: 80 USD

Ônibus de volta de Uyuni a La Paz: 33 USD

————————————————————-

La Pazita

La Paz (de novo)

1 noite no hotel Sagarnaga: 30 USD

Voo La Paz-Lima: incluído no valor da LAN

————————————————————-

Favelita peruana

Lima (de novo)

1 Noite no hotel El Ejecutivo: 40 USD

Voo para o Brasil: incluído no valor da LAN

————————————————————-

Os voos por dentro do Peru tiveram o melhor preço na compra de todos os trechos pela LAN: GRU-Lima-Cusco-Arequipa / La Paz-Lima-GRU, com saída em setembro/2010 - 1.049 USD.

lan-chile

Como você deve ter percebido, as refeições não estão incluídas neste roteiro. Mas para o Peru não melar seus planos, reserve uma média que varie entre 3,5 a 8,1 euros para cada refeição (conforme indica o Routard).

Que tal comer picarones no Peru?

Ou se você preferir sentir o genuíno gosto do Peru provando os deliciosos pratos locais em restaurantes bons, prepare-se para mais de 12 euros por refeição. É um pouco mais caro e você pode sair do Peru com uma mão na frente e outra atrás, mas permite que você sinta o Peru por inteiro.

Espero que as dicas ajudem você a se preparar. Nada melhor do que chegar em Lima com o Peru na ponta da língua.

Afeganistão

Visite o livreiro de Cabul

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

(Mãe, não leia isso. Obrigado. Beijo.)

Já pensou em ir para o Afeganistão?

Welcome, my friend - Foto: Jane Sweeney - LP

Se você não for um tarado por viagens, nem tiver sido hippie nos anos 70, é provável que não. Mas talvez seja a hora de mudar de ideia.

Assim como várias zonas de conflito ao redor do mundo, o Afeganistão tem suas regiões consideradas seguras para o turismo. A maior prova disso é o guia do país lançado pela Lonely Planet em 2007, o primeiro depois da queda do Talibã em 2001.

Capa do guia Afeganistão, do LP

O.K. Ir para lá no peito e na raça achando que só vai encontrar crianças empinando pipas é algo um pouco radical demais, para aventureiros extremos. Mas que tal conhecer as regiões consideradas seguras com o acompanhamento de uma empresa de turismo especializada no país?

Sim, existem empresas de turismo especializadas no Afeganistão. Uma delas eu descobri por acaso, lendo uma revista antiga. É a Great Game Travel, do americano Andre Mann. Os caras têm roteiros sensacionais e garantem a segurança do viajante em viagens por regiões onde os conflitos ainda não chegaram e em companhia de guias que sabem tudo das bocadas afegãs.

A vida fácil do afegão médio - Foto: John Mock - LP

Os preços variam, mas são bem menores do que eu imaginei. Segundo o site, uma viagem de 12 dias com quase tudo incluído (exceto passagens aéreas) sai por 4.000 USD.

A Mesquita Azul - Foto: Stephane Victor - LP

Vai dizer que não dá vontade de encarar uma burquinha?

Fotografia

Please take a picture

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

Turistas fotografam lugares turísticos e também outros turistas. Mas quem fotografa os turistas fotografando?

O fotógrafo britânico Alan Powdrill.

É dele a ótima ideia de mostrar como nós, turistas, parecemos quando estamos praticando uma das nossas atividades mais comuns em viagens (depois da paradinha para olhar o mapa, de longe a campeã).

Segundo o blog dele, a ideia surgiu em um passeio a Roma e depois foi estendida a passeios em Londres, Lanzarote, Madri e Paris.

Uma parte do resultado são estas fotos aí embaixo. As outras estão lá no site dele.

http://www.alanpowdrill.com/

Post a partir de dica do @keijiro.

Outros Blogs

Ponha-se no seu lugar, Gabriel

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

Vida de  viajante assalariado é assim: quando você pensa que já é um cara relativamente viajado e coisa e tal, vem a Winni Rio Apa e humilha você com uma aventura fantástica pelo deserto do Saara.

Foto: Alex Ribondi

Vale dar uma lida na matéria.

Winni, você ganhou um fã.

China

Eyjafjallajoekull-Shangai sem escalas

(Atenção: este blog foi aposentado. No lugar dele, surgiu o Gabriel Quer Viajar. Vá lá. É muito mais bonito e tal.)

O Big Picture, como sempre, humilhou nas fotos lindíssimas da Expo 2010, em Shangai, na China.

Foto: PHILIPPE LOPEZ/AFP/Getty Images

Se eu fosse rico, sairia agora da Islândia (onde eu estaria desde o início da erupção do Eyjafjallajoekull) e me tocaria para Shangai.